Follow by Email

domingo, 15 de março de 2009

Folhas de outono- Priscila de Loureiro Coelho

Folhas de outono


Priscila de Loureiro Coelho

Estação curiosa a do outono
Onde o tempo parece sossegar
Como se a natureza, tivesse sono
E fosse calmamente descansar

A beleza explode silenciosa
No clima suave e ameno
Nas claras manhãs esplendorosas
Que evaporam o que resta do sereno

Há um som peculiar nesta estação
Doce e delicada sinfonia
Tanta beleza arrebata o coração
Que me leva a escrever esta poesia

Outono...tempo de folhas caindo
A natureza troca sua roupagem
E eu me maravilho assistindo
Meu amor fazendo parte da paisagem!
Priscila de Loureiro Coelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários são bem vindos, grata!