Follow by Email

domingo, 26 de julho de 2009

Assim escrevo...

Assim escrevo....
Eliana f.v. – Li Andorinha

Fujo da idealização
Sigo meus instintos
comandados pelas...
sensações

Aceito como certo
desvencilhar-me de ditames

Contemplando a natureza
e todo seu encanto
deixo-me levar
pelos acontecimentos

Esqueço o ranço teórico
Aprendo experimentando

Dou asas à imaginação
brinco com o arrepio de medo
que inventa assombração

Agora sou toda rebelião
salientando o significado
de cada instante

Se alegre eternizo-o
Se triste enfrento-o...

Para gozar...
No suspiro do alívio
25-07-2009

3 comentários:

  1. catarse pura Andorinha forte brilhante , lindo , abraços de carinho e admiração
    da tua virgínia

    ResponderExcluir
  2. Linda poetamiga Virgínia!!
    Agradeço muito por tua companhia
    teu olhar e atenção para meus versos
    sempre um aprendizado maravilhoso
    beijos e abraço de super carinho
    da Li

    ResponderExcluir

comentários são bem vindos, grata!