Follow by Email

sábado, 12 de setembro de 2009

Sul do Brasil em alerta: chuva de setembro já supera a média-
11 de setembro de 2009
Em 11 dias, a maioria das estações já registrou quantidade igual ou superior à média histórica para setembro. Só isto já é motivo de alerta e preocupação, pois com a chuva absorvida até agora o solo já está ficando saturado e os rios cheios, alguns até alcançando a cota de alerta de transbordamento, como acontece em rios do planalto norte de Santa Catarina, área próxima da divisa com o Paraná. Daqui para frente, o risco de alagamentos, deslizamentos de encostas e transbordamento de córregos e rios só vai aumentar. A situação é de alerta permanente.


E n x u r r a d a

Neste sexto ( ?) dia chuvoso
o cinza afinal habitou-me
quero a cor de orquídeas
o perfume suave nas brisas...

As janelas lambuzadas de saudade estão
das doce caminhadas
de um por de sol intenso
do berço descoberto
das aves que adentram o coração da casa
em busca de sombra e nectar
de um regozijoso olhar

Ininterrupta chuva despetalou meu sonho primaveril
o estiolamento habita floreiras encharcadas...
e, o alegrar-se dos sapos nesta hora não me apraz...

Verifico a caixa de E mails
há uma enxurrada de repasses a vista embaralha,
já estou tonta diante da tela,
preciso de ar seco- freco,
de estrelas e um luar! -
* virgínia além mar * 12 set 09

2 comentários:

  1. Minha Amada manamiga Virgínia...como é
    intensa e bela tua inspiração
    Emocionada te abraço com carinho agradecido
    e deixo minha prece
    beijinhos com Amor da Li sempre pertinho

    Para a Poeta Virgínia uma prece

    Desejo agora o poder da magia
    Para em um só sorriso
    lhe enviar todas as cores...
    sabores e perfumes da Primavera

    Mas não me dou por vencida
    e faço uma prece insistente
    junto a mãe Natureza

    Peço aos Deuses e Deusas
    aos anjinhos passarinhos...
    e também as estrelinhas...

    Para que sintas o carinho
    da nossa estrela maior
    E juro que só paro
    quando tiver boa notícia

    Faço a dança do sol
    (mesmo sem saber)

    Prossigo até que ele sorria
    e abasteça a poeta jardineira Virgínia
    do calor que ela tanto precisa

    Rogo para que afaste
    de sua Cidade tão linda!
    O perigo das enchentes...

    E coloque no seu lugar...
    A ternura das margaridas

    Da Amiga Eliana f.v. – Li Andorinha
    que te quer um bem infinito

    ResponderExcluir
  2. Quanta ternura minha amiga Eliana !
    Extremamente emocionada agradeço tua linda Poesia e teus sinceros sentimentos expressos em clara intenção solidária.
    Entro em tua mágica dança do sol que por si só já ilumina e aquece.
    Nada como um bom baile para secar lágrimas e energizar corpo e mente !
    Esperança resiste !

    et- hoje domingo ainda chouveu muito e as notícias
    n. s. boas , há muitos desabrigados, estradas bloqueadas ...mas amanhã creio q. o grande e mágico astro dará o ar de sua graça ...
    abraços minha Poeta Li tão querida , compartilhar contigo é reconfortante !

    ResponderExcluir

comentários são bem vindos, grata!