Follow by Email

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Poeta -virgínia fulber *além mar -20 de Outubro dia do Poeta

Poeta -virgínia fulber *além mar

dançando em letras
pintando luar nas esquinas duras
ladrilhando nos desertos cortinas...


co moves


criando janelas, sacadas,
peitoris nas prisões...
arremessando sopros de liberdade...

co moves


brincando com Tempo-espaço
irreverente à pobreza janta à luz de velas
migalhas sobre o linho de lembranças inventadas


co moves


ternura e reverência o vestem
em gole d´água
o melhor vinho lhe basta

co moves


despedida, tristeza, doença
tudo é motivo de canto
feito pássaro seduz , arrepia , convida


por co moveres brindo-te
e à Poesia
ânimo sopro alegria !
&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
Publicado no Recanto das Letras em 20/10/2008-
Código do texto: T1238821

Ciranda em Homenagem ao Dia do Poeta 2008
http://www.tekanascimento.net/ciranda_homenagem_ao_dia_do_poeta_maria_thereza_neves.htm
em anexo EBOOK da Ciranda subra referida

Publicado na Coluna Considerações Portal VMD –
http://www.vaniadiniz.pro.br/virginia_fulber/index.htm

5 comentários:

  1. [recolhe e anima,
    os traços de linha que fazem falta nos nós do horizonte]

    um imenso abraço,

    Leonardo B.

    ResponderExcluir
  2. E que fantástico canto é o seu minha tão querida Amiga Virgínia! Versos que fazem da minha alma bailarina...E eu a voar em sorrisos! Essa tua poesia-homenagem é carinho iluminado! A imagem é poesia pura! Linda!
    Grata Poetinha Jardineira Grata...
    boa noite, lindos sonhos, amanhecer em canto de passarinho

    beijinhos mais ternura da Li

    ResponderExcluir
  3. Ânimo, sopro, alegria... é justoo que você me dá com sua poesia certa na hora exata sempre.
    Parabéns, poetisa brasileira!
    Maria Lindgren
    m-lindgren@uol.com

    ResponderExcluir
  4. Queridíssima Virgínia,
    dançando em letras... Adorei teu poema, que bela homenagem!!
    Abraços de primavera,
    Mariah de Olivieri

    ResponderExcluir
  5. edit delete replyvicamf wrote today at 7:08 PMÂnimo, sopro, alegria... é justoo que você me dá com sua poesia certa na hora exata sempre.
    Parabéns, poetisa brasileira!
    Maria Lindgren
    m-lindgren@uol.com

    ResponderExcluir

comentários são bem vindos, grata!